Quase um pôr-do-sol

Estadão

12 Dezembro 2009 | 17h07

Ontem o dia estava bonito (hoje o tempo fechou e choveu) e eu e mais um pessoal saímos correndo para o heliponto e para a estação meteorológica para tentar fotografar o ocaso.

Não que o sol realmente se ponha por aqui — ele some na beira do horizonte, gira de volta para leste e sobe de novo. Esse mezzo-crepúsculo dura mais ou menos das 23h às 3 da madrugada.

O fato é que saí duas vezes para tentar flagrar o sol tangenciando o horizonte, mas uma foi muito cedo e a outra, muito tarde. Mas, em ambas as tentativas peguei algumas imagens interessantes, mesmo que nenhuma delas fosse exatamente o que eu queria.

sunice

Esta primeira mostra os raios do sol, já bem baixo, incidindo sobre o paredão de uma geleira. A seguinte é de nuvens iluminadas por detrás, com o sol já abaixo da linha do horizonte a partir do meu ponto de vista.

sunset