Arqueólogos querem reconstruir Stonehenge em "escavação virtual"

Objetivo da equipe é desvendar alguns mistérios e mostrar como o local deve ter sido em detalhes na época em que foi construído.

root

05 Julho 2010 | 13h41

Stonehenge é uma estrutura composta, formada por círculos concêntricos de pedras que chegam a ter cinco metros de altura e a pesar quase cinquenta toneladas, onde se identificam três distintos períodos construtivos. Crédito: Wikipedia.

Stonehenge é uma estrutura composta, formada por círculos concêntricos de pedras que chegam a ter cinco metros de altura e a pesar quase cinquenta toneladas, onde se identificam três distintos períodos construtivos. Crédito: Wikipedia.

Stonehenge é um dos pontos turísticos mais visitados da Inglaterra, em grande parte pelo mistério que ronda a origem de sua construção e função. Para descobrir um pouco mais a seu respeito, arqueólogos da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, vão começar uma “escavação virtual” usando as últimas técnicas de imagem para recriar o monumento icônico pré-histórico e seus arredores.

O objetivo da equipe é desvendar alguns mistérios e mostrar como o local deve ter sido em detalhes na época em que foi construído. Os pesquisadores pretendem mapear a região de Wiltshire e encontrar vestígios arqueológicos enterrados com mais precisão, fornecendo imagens em 2 e 3D.

“A partir de objetos digitais de paisagens, por meio da geofísica, sistemas de imagem geográfica e a criação de mundos virtuais, a tecnologia fornece novas rotas alternativas para a visualização e compreensão do passado e do presente”, diz Vince Gaffney, responsável pelo projeto.

Para chegar aos resultados desejados, o time vai usar uma combinação digitalização a laser de larga escala com magnetômetro de ponta e sistemas de georadar.

Veja também:

Pesquisador identifica arma de 10 mil anos perto de Yellowstone
Maior é melhor: cristas de animais pré-históricos tinham “função sexual”
Estátuas caídas na Ilha de Páscoa não foram abandonadas no caminho
Estudo revela que homens modernos cruzaram com neandertais
Hemoglobina de mamute é recriada mostrando “extremidades frias”
Genoma de homem já extinto é sequenciado em detalhes