Astrônomos descobrem exoplaneta com características próximas da Terra

root

16 Dezembro 2009 | 19h11

Astrônomos do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics anunciaram a descoberta de uma Super-Terra que orbita uma estrela anã vermelha, a 40 anos-luz do nosso planeta, com pequenos telescópios terrestres – muito similares ao equipamento que astrônomos amadores têm em seus quintais. Apesar de o planeta identificado ser muito quente para permitir a vida, possui atmosfera e tem características muito parecidas com a da Terra.

lores

“Super Terra” é o nome dado a planetas que têm entre duas e dez vezes mais massa que a Terra. O novo planeta, GJ1214b, tem cerca de seis vezes mais massa que o nosso e orbita a GJ1214, uma pequena estrela vermelha do tipo M, um quinto menor do que o Sol. Sua superfície tem apenas 2700 graus Celsius (o Sol tem uma temperatura de superfície de aproximadamente 6 mil graus Celsius) e uma luminosidade de apenas três milésimos do Sol.

O GJ1214b orbita sua estrela a cada 38 horas em uma distância de apenas milhões de quilômetros (a distância entre a Terra e o Sol é de cerca de 150 milhões de quilômetros). Os cientistas especulam uma temperatura de 204 graus Celsius no planeta descoberto. Embora seja bem quente para parâmetros humanos, a temperatura deste planeta está bem abaixo dos demais planetas já localizados, uma vez que a sua estrela é fraca.

Assim que o planeta descoberto “passou na frente” de sua estrela, os astrônomos puderam medir o seu raio – quase três vezes o da Terra -, o que faz dele o segundo menor planeta já identificado. As análises apontam que seja composto de três quartos de água. Os astrônomos também sugerem que possa haver uma atmosfera gasosa. Apesar da alta temperatura, tudo indica que a água seja uma de suas características mais relevantes.