Cientistas criam retina em estágio inicial a partir de células-tronco

Células estaminais foram usadas para criar células progenitoras da retina, que enfim evoluíram para folha de tecido tridiomensional.

root

27 Maio 2010 | 11h34

Pesquisadores utilizaram células estaminais embrionárias humanas para criar essas células progenitoras da retina, que mais tarde evoluíram para uma folha de tecido tridimensional. Crédito: UCI.

Pesquisadores utilizaram células estaminais embrionárias humanas para criar essas células progenitoras da retina, que mais tarde evoluíram para uma folha de tecido tridimensional. Crédito: UCI.

Cientistas da Universidade da Califónia, Irvine, nos EUA, conseguiram criar retina em seus estágios iniciais a partir de células-tronco embrionárias. A façanha oferece esperança a milhões de pessoas com doenças degenerativas nos olhos, como retinose pigmentar e degeneração macular.

“Fizemos uma estrutura complexa constituída por vários tipos de células”, explica Hans Keirstead, responsável pela pesquisa. “Este é um grande avanço em nossa busca para tratar as doenças da retina”.

Para imitar as primeiras fases de desenvolvimento de uma retina, os pesquisadores precisaram construir gradientes microscópicos de soluções para banhar as células-tronco, dando início aos caminhos específicos de diferenciação. “A criação deste tecido complexo é o primeiro com o uso de células estaminais”, ressalta Keirstead.


Agora, os pesquisadores estão testando as retinas em fases iniciais criadas em modelos animais, para avaliar quanto elas podem melhorar a visão. Se os resultados forem positivos, a equipe pretende seguir para ensaios clínicos com seres humanos.

Experiência com células-tronco

A equipe já havia desenvolvido um método por meio do qual células estaminais (outro nome para as células-tronco) embrionárias humanas poderiam se tornar outros tipos de células – um processo conhecido como diferenciação. Os resultados deste trabalho levaram aos primeiros ensaios clínicos para tratar lesões na medula espinhal.

O que é retina

A retina é a camada interna posterior do olho, que registra as imagens que uma pessoa vê e envia para o cérebro através do nervo óptico. Doenças na retina prejudicam a visão e podem levar à cegueira.

Veja também:

Córnea artificial de plástico pode se tornar realidade em breve
Olho biônico deixa a ficção para se tornar realidade em breve
Antidepressivos podem aumentar em 15% risco de desenvolver catarata
Células-tronco recuperam visão de roedores com retinite pigmentosa
De olhos bem abertos: esteroides contra a retinopatia diabética