Dinossauro de "coxas poderosas" é descoberto em Utah

Brontomerus mcintoshi teria tido coxas fortes provavelmente para servir como arma na hora de "chutar" predadores.

root

23 Fevereiro 2011 | 11h38

Ilustração reconstrói novo dinossauro combatendo predador. Crédito: Francisco Gascó/ UCL.

Ilustração reconstrói novo dinossauro combatendo predador. Crédito: Francisco Gascó/ UCL.

Um novo dinossauro chamado Brontomerus mcintoshi, ou “coxas de trovão” (em função de seus músculos da coxa extremamente poderosos), foi descoberto em Utah, nos Estados Unidos. A espécie é descrita em um artigo recentemente publicado na revista Acta Palaeontologica Polonica por uma equipe internacional de cientistas do Reino Unido e EUA.

Membro do grupo saurópode, que compreende os dinossauros de pescoço longo como o Diplodocus e o Brachiosaurus, o Brontomerus pode ter usado suas coxas como uma poderosa arma para chutar predadores ou ajudar a viajar sobre terrenos ásperos e montanhosos. Esta espécie deve ter vivido há cerca de 100 milhões de anos, durante o Período Cretáceo, lutando provavelmente com animais ferozes como o Deinonychus e o Utahraptor.

Ossos fossilizados de dois espécimes – um adulto e outro criança – de Brontomerus mcintoshi foram resgatados por pesquisadores do Museu Sam Noble de uma pedreira já danificada e saqueada ao leste de Utah. Paleontólogos acreditam que o maior exemplar pertence a mãe do jovem dinossauro, e teria pesado seis toneladas (aproximadamente o peso de um elefante grande), medindo 14 metros de altura. Com um terço do tamanho, o animal menor teria pesado cerca de 200 quilos e tido o tamanho de um pônei, com apenas 4,5 metros de comprimento.

Os pesquisadores classificaram o novo gênero com base em um esqueleto incompleto incluindo os ossos do ombro, quadril, costelas, vértebras e alguns fragmentos ainda não identificados. Características únicas foram observadas, especialmente no ilíaco, um osso do quadril, que é excepcionalmente maior do que dinossauros semelhantes. O formato do osso indica que o animal provavelmente teve o maior músculo nas pernas de todos os saurópodes.

“O Brontomerus mcintoshi é um dinossauro carismático, e uma excitante descoberta para nós”, disse o primeiro autor do trabalho, Mike Taylor, pesquisador do departamento de ciências da terra da Universidade College London. “Quando nós reconhecemos a forma estranha do quadril, nos perguntamos o significado do que poderia ser aquilo, mas concluímos que o chute seria o mais provável. O chute provavelmente teria sido usado quando dois machos lutavam por uma fêmea, mas, seria bizarro não ser usado também na defesa de predadores”.

Outras marcas nos ossos dão pistas adicionais do estilo de vida do Brontomerus e do seu meio ambiente. Seu ombro, por exemplo, possui saliências anormais que provavelmente marcavam os limites de anexos musculares, sugerindo que o animal tinha tinha também poderosos músculos no antebraço. Era, portanto, um animal muito “atlético”, o que indica que vivia em terreno montanhoso, e suas pernas funcionavam como uma espécie de carro com tração nas quatro rodas.

dinosaur
, USA
discovered