Método elimina biópsia para detectar bactérias intramucosas

Técnica permite identificar bactérias dentro da mucosa do intestino em pacientes com a doença de Crohn ou com colite ulcerosa.

taniager

06 Dezembro 2010 | 17h39

Bactérias fluorescentes são visualizadas na superfície apical e invadindo o epitélio intestinal de rato. A seta azul indica bactérias brilhando dentro da mucosa. A seta laranja indica bactérias na superfície da mucosa e a seta branca bactérias dentro das células epiteliais micro vilosas. Crédito: University of East Anglia.

Bactérias fluorescentes são visualizadas na superfície apical e invadindo o epitélio intestinal de rato. A seta azul indica bactérias brilhando dentro da mucosa. A seta laranja indica bactérias na superfície da mucosa e a seta branca bactérias dentro das células epiteliais micro vilosas. Crédito: University of East Anglia.

Cientistas da Universidade de East Anglia, Reino Unido, desenvolveram um método de endomicroscopia confocal a laser auxiliada por fluoresceína para visualizar bactérias entéricas intramucosa in vivo e para determinar a área de mucosa envolvida no cólon e íleo em pacientes com colite ulcerosa e doença de Crohn.

Bactérias entéricas têm um papel importante na patogênese de doenças que inflamam o intestino (IBD). Um número significante de pacientes com a doença de Crohn e colite ulcerativa possuem bactérias intramucosas. Elas foram identificadas também em pacientes com IBD por uma variedade de técnicas que envolviam biópsia da mucosa. A endomicroscopia confocal a laser pode mostrar as bactérias na superfície da mucosa, mas não pode identifica-las quando estão dentro dela.

Agora, os pesquisadores, liderados por Alastair Watson, associaram esta endomicroscopia à fluoresceína intravenosa – um agente de contraste – para poder detectar bactérias dentro da mucosa.

O novo método tem impacto na prática clínica, uma vez que possibilita a identificação de pacientes com bactérias intramucosas sem a necessidade de biópsia. A técnica também poderá ser uma ferramenta valiosa na elucidação de patogêneses de doenças que inflamam o intestino.

O artigo intitulado “Confocal laser endomicroscopy is a new imaging modality for recognition of intramucosal bacteria in inflammatory bowel disease in vivo” foi publicado na revista Gut de gastroenterologia esta semana.

Biopsy method for detecting bacteria eliminates intestinais
Intestinal