Equipe associa vitamina D e qualidade do espermatozoide

A vitamina D é muito importante para diversos processos no nosso corpo, especialmente para a função reprodutiva saudável de vários animais.

root

25 Maio 2011 | 14h02

Crédito: University of Copenhagen.

Crédito: University of Copenhagen.

A vitamina D é muito importante para diversos processos que ocorrem no nosso corpo, especialmente em relação à função reprodutiva saudável de vários animais. Agora, pesquisadores da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, estão mostrando que a relação também pode ser observada claramente nos seres humanos: um estudo realizado com 300 homens apresentou uma correlação forte entre a porcentagem de espermatozoides móveis e a vitamina D sérica.

O estudo, publicado recentemente na revista científica Human Reproduction, mostrou ainda que espermatozoides humanos poderiam ser estimulados a se movimentar em laboratório com a presença da vitamina D.

“Nossos estudos não são suficientes e não devem ser usados para mudar os tratamentos existentes. Contudo, deixa à mostra algumas das funções da vitamina D e gera novas hipóteses”, afirma Martin Blomberg Jensen, do Copenhagen University Hospital. “Esta é uma descoberta intrigante porque sugere que a vitamina D tem um efeito sobre a circulação do esperma”.

De acordo com o pesquisador, a constatação não é capaz ainda de determinar se suplementos de vitamina D poderiam melhorar a qualidade do esperma em homens saudáveis e inférteis, apenas indica que ela é necessária para a reprodução masculina.

Espermatozoides  vitaminados

Atualmente, nenhum tratamento provou de fato melhorar a qualidade do sêmen em ensaios clínicos randomizados, apesar de vários trabalhos terem mostrado inúmeras associações positivas entre diversos elementos – antioxidantes, zinco, vitaminas em geral – e a qualidade dos espermatozoides.

“A baixa qualidade do sêmen pode ter inúmeras causas, mas, muitas vezes, tem uma origem fetal semelhante a algumas malformações genitais masculinas e câncer testicular”, explica Anders Juul, da Universidade de Copenhague. “Entretanto, este estudo indica que os fatores na vida adulta também podem desempenhar um papel na qualidade do sêmen”.

Veja também:

Modelo em 3D mostra como o esperma se liga ao ovo na fertilização
Ovário artificial pode nutrir folículos precoces até a maturidade plena
Muitas mulheres com insuficiência ovariana tem ovos imaturos
Alteração no cérebro pode levar ao diabetes e problemas de fertilidade
Transplante de ovário restaura fertilidade e prolonga vida de fêmeas de camundongos
Técnica permite seleção dos melhores espermatozoides para fertilização