MARTE CANCELADA

MARTE CANCELADA

Herton Escobar

13 Fevereiro 2012 | 20h22

(Image Credit: NASA/JPL-Caltech)

 

Alerta, alerta: Os terráqueos não estão mais chegando …

O governo americano do presidente Obama apresentou hoje sua proposta de orçamento para a Nasa em 2012: US$ 17,7 bilhões (isso mesmo, Bilhões, com B de bola). É dinheiro pra caramba … mas o clima na comunidade científica e de exploração espacial é de preocupação. O orçamento proposto representa uma redução de 0,3% em relação ao orçamento do ano passado, e 0,3% de quase US$ 18 bilhões é muito dinheiro mesmo. Quem saiu perdendo na lista de prioridades foi o Planeta Vermelho: a proposta de Obama é cancelar as duas próximas missões planejadas para Marte, que seriam realizadas em parceria com a Agência Espacial Europeia (ESA).

O orçamento do programa de exploração marciana, especificamente, será reduzido de US$ 587 milhões para US$ 361 milhões, segundo informações do Washington Post. Em bom português, o governo americano está propondo dar o cano nos europeus. O programa cortado seria o ExoMars, que prevê (ou previa) o lançamento de duas sondas para Marte, em 2016 e 2018, com o objetivo de pesquisar se um dia houve vida no planeta.

Parte da culpa é do James Webb Space Telescope, o futuro substituto do Telescópio Espacial Hubble, cujo custo de construção está correndo muito acima do planejado. O orçamento para o projeto deverá aumentar de US$ 476 milhões em 2011 para US$ 659 milhões, em 2014, segundo informações da BBC.

FOTO ACIMA: Dois engenheiros da Nasa aparecem em meio a três exemplos de veículos-robôs que já pousaram (ou estão para pousar) em Marte. O menorzinho, na frente, é um backup do Sojourner, que pousou em Marte em 1997. À esquerda da foto está um protótipo dos robôs Spirit e Opportunity, que pousaram em Marte em 2004. E à direita está um protótipo do robô Curiosity, que está a caminho de Marte neste momento, com previsão de pouso para agosto deste ano. (legenda completa, em inglês, neste link)