MERGULHO NO LIMITE

MERGULHO NO LIMITE

Herton Escobar

27 Agosto 2009 | 12h32

Mike Wells mergulhando. Foto do site da Australian Marine Conservation Society

Vejam essa notícia no portal do Estadão: Australiano cruza caverna submarina

É sobre um cara chamado Mike Wells que atravessou uma caverna submersa de 120 metros em 2 minutos e 40 segundos sem oxigênio (além daquele que ele já levava dentro dos pulmões, claro).

Faz a gente pensar sobre os limites do corpo humano. Tente ficar sem respirar agora mesmo por 1 minuto, ou 30 segundos que seja….. a não ser que você também seja um praticante de mergulho livre, certamente vai bater um desespero logo no início. Imagine agora ficar 2 minutos e 40 segundos sem respirar, debaixo d’água, dentro de uma caverna escura, habitada por tubarões, a 24 metros de profundidade, com o pulmão comprimido pela pressão da água …. Parece impossível não é? Mas é possível.

Com muito treinamento (físico e mental), somos capazes de feitos inacreditáveis. Esse é apenas um exemplo. Pense nisso a próxima vez que se sentir sufocado.

OBS: O mergulho foi feito em benefício da Australian Marine Conservation Society, pedindo apoio para a conservação de tubarões. Mais informações no site da AMCS.