Os Simpsons em 'Apollo 13'

Giovanna Montemurro

10 Outubro 2011 | 10h37

Para quem quer se divertir um pouquinho e gosta de cinema, ciência e animação: confira esse remake do trailer de ‘Apollo 13’ estrelado pelos Simpsons.

Terceira missão tripulada à Lua, a Apollo 13 foi lançada no dia 11 de abril de 1970 do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Canaveral, na Flórida. Milhares de pessoas – entre as quais o vice-presidente Spiro Agnew e o chanceler alemão Willy Brandt – presenciaram o lançamento, lotando estradas, praias e canais marítimos na região.

A foto de capa do Estado – uma radiofoto enviada por uma agência internacional de notícias – mostrava o momento do lançamento do foguete com a bandeira dos EUA hasteada ao fundo. Essa terceira missão à Lua era a primeira destinada ao estudo geológico do satélite.

Um dos principais objetivos da missão era recolher amostras do mais velho material disponível no sistema solar, como rochas e poeira, que serviria para determinar a idade da Lua. A Apollo 13 também instalaria o terceiro sismógrafo no satélite.

A tripulação era composta pelos cosmonautas James Lowell, Fred Haise e John Swigert – o terceiro substituiu, na última hora, Thomas Mattingly, impedido de viajar por estar com rubéola. Foi a primeira vez que um astronauta teve de ser trocado às vésperas de uma decolagem.

Dois dias depois do lançamento, uma explosão avariou de forma irreversível o sistema de impulsão do foguete Apollo. Em manchete, o Estado relatava os problemas enfrentados pela nave e os esforços para que os astronautas fossem trazidos em segurança à Terra.

Heróis. O acidente se originou de uma explosão de um tubo de oxigênio, que provocou o estouro de um tanque de combustível do módulo de serviço, inutilizando o sistema de impulsão normal do foguete. A tripulação decidiu, então, utilizar uma trajetória de emergência para que o módulo de comando contornasse a Lua e retornasse à Terra.

Os heróis desse episódio foram os astronautas, considerados corajosos e criativos. Lutando pela sobrevivência, improvisaram soluções para a crescente falta de água, oxigênio, energia e – no final da missão – um frio que beirava 0°C.

Eles foram orientados por centenas de técnicos da Nasa, que os reconduziram de volta à Terra utilizando como propulsor o módulo lunar que originalmente seria usado na descida na Lua.

O resgate aconteceu três dias depois, no Oceano Pacífico, próximo à Ilha de Samoa. Haise, Lovell e Swigert subiram no porta-aviões americano Iwo Jima, ao som de Aquarius, música-tema do filme Hair. / Texto de Rose Saconi