Japão divulga primeiras imagens de vela solar totalmente aberta

A vela tem uma superfície quadrada de 4,5 metros de lado e 7 milésimos de milímetros de espessura

estadao.com.br

18 Junho 2010 | 13h02

A Ikaros, fotografada por uma câmera de 6 centímetros separada da vela. Divulgação/Jaxa

 

A Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (Jaxa) divulgou as primeiras imagens feitas da vela solar Ikaros já totalmente aberta na órbita terrestre. A câmera que fez as fotos foi ao espaço junto com a vela, e foi separada dela por uma mola. A Ikaros foi lançada ao espaço em 21 de maio.

 

A vela tem uma superfície quadrada de 4,5 metros de lado e 7 milésimos de milímetro de espessura. Sua abertura foi um processo complexo e demorado, que teve início no dia 3 de junho.

 

A Ikaros, vista mais de perto pela câmera levada ao espaço. Divulgação/Jaxa

 

Além de uma camada de células fotoelétricas, um sistema de manobra e sensores estão integrados à vela. A Ikaros agora deve se manter no espaço por seis meses, demonstrando tanto a manobrabilidade da vela quanto a eficiência das células coletoras de energia.

 

A Ikaros tenta demonstrar a viabilidade dessa combinação de tecnologias - uma vela impulsionada pela pressão da luz solar e um gerador elétrico que, no futuro, poderá ser usado para alimentar um motor e outros instrumentos.

 

Se essa combinação funcionar, o Japão pretende usá-la para enviar uma missão futura ao planeta Júpiter.

Mais conteúdo sobre:
ikaros jaxa espaço vela solar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.