Meteorito traz descobertas sobre a história do planeta Marte

O meteorito estudado é o ALH84001, 2,5 bilhões de anos mais velho que qualquer outra rocha marciana

estadao.com.br

15 Abril 2010 | 19h11

Por meio do estudo da idade de um meteorito marciano, uma equipe da Universidade de Houston fizeram descobertas a resepito da história dos vulcões do planeta vermelho.

 

Thomas Lapen, professor-assistente de Geociências, descreve suas descobertas em um artigo na edição desta semana da revista Science.

 

O meteorito estudado pela equipe de Lapen é o ALH84001, 2,5 bilhões de anos mais velho que qualquer outra rocha marciana que já tenha chegado à Terra. Essa rocha ainda pode permitir, por analogia,  uma compreensão da história geológica de nosso planeta.

 

Lapen e colegas determinaram que o meteorito tem mais de 4 bilhões de anos, e concluíram que a rocha se formou num período importante da história marciana, quando o planeta possuía água e um campo magnético, condições favoráveis para o surgimento de formas de vida simples.

 

"Esta descoberta no ajuda a refinar a história de Marte", disse o cientista.

Mais conteúdo sobre:
marte meteorito science

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.