Música romântica deixa mulheres mais dispostas a aceitar encontro, diz estudo

'Cantada' de voluntário funcionou em 52% das mulheres que tinham ouvido música e em 28% das que não

estadao.com.br

18 Junho 2010 | 15h46

A escolha de uma trilha sonora adequada pode ajudar o homem solitário a iniciar um relacionamento, indica um estudo realizado por pesquisadores franceses. Mulheres se mostraram mais dispostas a dar o número do telefone a um "rapaz mediano" depois de ouvir uma música de fundo romântica, de acordo com estudo publicado nesta sexta-feira, 18, no periódico Psychology of Music.

 

Os pesquisadores Nicolas Guéguen e Céline Jacob, da Universidade de Bretagne-Sud, e Lubomir Lamy, da Universidade de Paris-Sud, testaram o poder das letras românticas em jovens solteiras de 18 a 20 anos. O resultado sugere que uma úniac canção romântica já pode fazer diferença.

 

Guéguen e Jacob já haviam tomado parte num estudo demonstrando que uma trilha sonora romântica, tocada numa floricultura, leva os homens a gastar mais dinheiro em flores. Desta vez, foram usados questionários para determinar quais músicas seriam consideradas "românticas" ou  quais seriam "neutras" na opinião das mulheres.

 

Para encontrar o jovem "mediano", 12 voluntários foram avaliados, por mulheres, quanto à atratividade.

 

Os pesquisadores então montaram um cenário no qual cada uma de 87 mulheres passou algum tempo numa sala de espera com música ambiente, antes de ser introduzida num escritório onde tinham de discutir as diferenças entre dois produtos alimentícios com o jovem.

 

Depois da discussão, o voluntário lançava sua "cantada" padronizada: "Meu nome é Antoine, você sabe, e eu achei você muito legal e estava pensando se você me daria seu telefone. Eu vou ligar mais tarde e podemos tomar um drinque na semana que vem".

 

O fato de ter havido música romântica na sala de espera quase dobrou a chance de Antoine conseguir o telefone: 52% das participantes sob os efeitos da música concordaram em dar o número, enquanto que apenas 28% das que tinham ouvido a canção "neutra" concordaram com o plano.

Mais conteúdo sobre:
música psicologia mulher amor namoro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.