Calvície precoce? Problema na próstata

Estadão

17 Maio 2012 | 23h52

Estudo da Universidade de Granada, na Espanha, aponta a existência de uma relação entre a calvície precoce e a hiperplasia benigna da próstata (HBP), um crescimento não maligno da próstata que, geralmente, aparece nos homens com mais de 40 anos.

Segundo os cientistas, esta doença é registrada em 50% dos homens com mais de 60 anos e pode ser identificada com uma excessiva de vontade de urinar.

O estudo, publicado na revista da Academia Americana de Dermatologia e ganhador do primeiro prêmio do 68º Congresso Anual da instituição americana, explica que os homens que sofrem calvície precoce têm mais possibilidades de sofrer de HBP do que os demais.

A calvície precoce ocorre com mais frequência nos homens do que nas mulheres e apresenta um componente hereditário que evolui progressivamente sem tratamento.

A hiperplasia benigna também costuma ser frequente e provoca um crescimento anormal e desordenado das glândulas que estão em contato direto com a uretra, sendo que a formação de um tumor (benigno) acaba obstruindo a saída da urina.

Para a realização deste estudo, foram analisados 87 homens, 45 deles diagnosticados com calvície precoce e outros 42 sãos. A partir daí, os resultados demonstraram que existia uma relação clara e direta relação entre os sujeitos com calvície precoce e os que sofriam de HBP.

Mais conteúdo sobre:

CalvíciePróstata