Combinação de medicamentos pode tratar traumatismo cranioencefálico

O traumatismo cranioencefálico pode levar à morte ou incapacitar permanentemente os indivíduos lesados.

root

17 Setembro 2010 | 18h19

O traumatismo cranioencefálico é um grave problema de saúde, já que muitas pessoas que sofrem lesões cerebrais sérias podem morrer ou ficar incapacitadas permanentemente. Atualmente, não existem medicamentos disponíveis para tratar o problema: ensaios clínicos de diversas drogas falharam. Entretanto, pesquisadores da SUNY Downstate, nos EUA, acreditam que combinações de medicamentos podem oferecer resultados promissores.

Os pesquisadores testaram cinco medicamentos em diferentes combinações em modelo animal. De acordo a equipe, a minociclina e N-acetilcisteína podem atuar de forma promissora no tratamento do problema.

“Há uma grande necessidade de medicamentos para tratar o trauma cranioencefálico. Talvez, a maneira mais rápida de conseguir tratamentos é o de combinar medicamentos já conhecidos como seguros e eficazes”, diz Pedro J. Bergold, autor do artigo. “A combinação de minociclina e N-acetilcisteína mostrou uma grande melhora sinérgica de cognição e memória após lesão cerebral traumática experimental”.

De acordo com o pesquisador, a equipe continua os estudos para obter a melhor combinação e dar início a ensaios clínicos, com seres humanos. O artigo está disponível gratuitamente na PLoS One.