Administração Federal de Aviação dos EUA aprova carro voador

Sinal verde para comercialização do Transition, engenhoca que pode ser conduzida como carro normal ou como aeronave.

root

30 de junho de 2010 | 14h35

Terrafugia Transition voando em frente ao lago Champlain. Crédito: Terrafugia.

Terrafugia Transition voando em frente ao lago Champlain. Crédito: Terrafugia.

A Administração Federal de Aviação dos EUA aprovou o Transition, carro voador de dois assentos desenvolvido nos últimos quatro anos pela empresa Terrafugia. A engenhoca, ou “nave rodante” como é chamada também, foi desenhada por uma equipe de engenheiros do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e pode ser conduzida tanto quanto um carro normal em estradas como acionar suas asas e voar.

O veículo funciona a gasolina sem chumbo e pode chegar a 185 km/h, conseguindo também voar até 740 quilômetros. De “asas dobradas”, a nave sobre rodas cabe em uma garagem de tamanho regular. Preparado para voar, o carro voador lança as asas e hélice traseira para fora, precisando de uma pista de pouco mais de 500 metros para fazer a decolagem.

A equipe que apresentou o projeto afirma que o carro, ou avião, é bastante seguro: possui gaiolas de segurança e zonas de esmagamento para condução em estrada e, além disso, se estiver voando em condições ruins, pode simplesmente pousar e continuar a viagem por terra. Do condutor é exigido curso de pelo menos 20 horas de voo e cerca de 190 mil dólares de “investimento”. O sonho de consumo de muita gente vai se tornar realidade no ano que vem. Até agora, a empresa já recebeu 70 encomendas.

Veja também:

Aviões “verdes” sobrevoarão o espaço aéreo em 2035
Robô que quebrou a perna deverá caminhar por terrenos acidentados
Pesquisa mostra que um machão ao volante é perigo constante
Sem tirar os olhos da estrada: carro pode ser guiado apenas pela visão
Motorista perde 20% da habilidade de memorizar história ao dirigir