Agência espacial européia lançará segundo satélite do Galileo

Definido para abril o lançamento do Giove-B a partir da base espacial de Baikonur, no Cazaquistão

Efe

26 de fevereiro de 2008 | 16h43

O segundo satélite do sistema Galileo, chamado Giove-B, que verificará a tecnologia necessária para o futuro êxito deste programa europeu de navegação por satélite, será lançado no final de abril, informou hoje a Agência Espacial Européia (ESA). Este é o segundo satélite dos 30 que a ESA colocará em órbita até o final de 2013, com o objetivo de "completar" o sistema Galileo, disse à Agência Efe o porta-voz da ESA em Paris, Franco Bonacina. O Centro de Pesquisa e Tecnologia da ESA (Estec), na Holanda, está realizando as últimas análises ambientais do Giove-B, antes de seu lançamento ao espaço a partir da base espacial de Baikonur, no Cazaquistão. O Giove-B, desenvolvido por cientistas franceses, italianos, espanhóis, alemães e britânicos, vigiará "as freqüências que foram alocadas ao sistema" e comprovará o funcionamento do "relógio atômico mais preciso do espaço", que dará mais qualidade ao sistema Galileo. Em 2005, foi lançado o primeiro satélite, o Giove-A, também do Cazaquistão, que permitiu desde então transmitir sinais por todo o mundo.

Tudo o que sabemos sobre:
GalileoGiove-BESA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.