Álcool faz mal mesmo em pequenas doses

Os benefícios trazidos pelo consumo moderado de álcool podem ser menores que os danos causados por essas doses, segundo pesquisa publicada pela revista médica The Lancet.Os cientistas sugerem que beber um ou dois copos de vinho por dia pode não ser bom para a saúde, ao contrário do que indicaram diversos outros estudos.Os neo-zelandeses envolvidos nessa nova pesquisa dizem que há evidências de que as pessoas que consomem bebida alcoólica moderadamente têm menos riscos de doenças cardíacas, já que têm artérias relativamente "limpas". No entanto, riscos de outras doenças superariam esse benefício."Qualquer proteção gerada pelo consumo moderado de bebidas alcoólicas vai ser muito pequeno com relação aos malefícios", afirmou o líder da pesquisa, Rod Jackson, da Universidade de Auckland. "As pessoas não podem assumir que beber só traz benefícios para a saúde."ResultadosPesquisas realizadas nos anos 1970 e 1980 indicavam uma redução de 20% a 25% em riscos de doenças cardíacas devido ao consumo moderado de álcool.Mas a equipe neo-zelandesa diz que a maneira com que aqueles estudos eram realizados não permitia que os pesquisadores dissessem com precisão que os resultados eram unicamente ligados à quantidade de álcool consumida."A boa notícia é que as pessoas ainda podem beber álcool em moderação. Não há evidências de que um consumo leve ou moderado de álcool prejudique o coração. No entanto, beber demais pode trazer efeitos adversos para a saúde", afirma Belinda Linden, da Fundação Britânica do Coração."Não podemos encorajar as pessoas a beber dizendo que isso faz bem para o coração, já que existem outros métodos mais seguros de prevenir doenças cardíacas.""Nós continuamos a aconselhar a mesma coisa: a melhor maneira de diminuir riscos de doenças cardíacas é parar de fumar se você é fumante, fazer mais exercícios físicos e ter uma dieta balanceada", conclui Linden.

Agencia Estado,

02 de dezembro de 2005 | 16h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.