Arqueólogos acham a espada a mais antiga da China

A peça, forjada entre 2.500 e 3.000 anos atrás, foi encontrada num túmulo em Jiangxi, leste da China

Efe,

17 de janeiro de 2008 | 14h57

Arqueólogos chineses descobriram uma espada, forjada entre 2.500 e 3.000 anos atrás, num túmulo ao leste da província de Jiangxi, região leste da China, informou nesta quinta-feira, 17, o jornal China Daily. "Acredita-se que seja a mais antiga do país", afirmou o chefe da equipe de arqueólogos, Xu Changqing.   Os arqueólogos batizaram a peça com o nome de 'primeira espada sob o céu'. Ela é a última descoberta entre mais de mil restos e objetos retirados do túmulo, que data do período da primavera e outono (770 a 476 a.C.). A espada é ornamentada com o desenho de um dragão talhado dos dois lados da bainha e duas linhas em ziguezague no centro da lâmina.   Os pesquisadores continuam analisando todos os objetos na tentativa de descobrir quem estava enterrado no túmulo e obter informação sobre a cultura funerária da época.

Tudo o que sabemos sobre:
espada mais antiga da China

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.