Árvores crescem mais em Nova York que na zona rural

Depois de estudar o impacto dos poluentes urbanos sobre as árvores, cientistas concluíram que as plantas nas ruas de Nova York crescem duas vezes mais que as similares em áreas rurais. O resultado da pesquisa entra em choque com a percepção generalizada de que as selvas de pedra, asfalto e céus poluídos são lugares inóspitos para a vida vegetal. Mesmo assim, isso não significa que Nova York seja um paraíso ecológico.Os pesquisadores atribuem o crescimento moderado das árvores nas áreas rurais aos maiores níveis sustentados de ozônio nessas regiões, em comparação com as grandes metrópoles. O estudo analisou o crescimento de choupos-do-canadá em áreas urbanas e rurais."No campo, essas árvores batiam na minha cintura. Na cidade, elas eram quase maiores que eu. Isso é impressionante", disse Jillian W. Gregg, principal autor do estudo, que será publicado na edição de amanhã da revista especializada Nature. Cientistas que não participaram do estudo sugeriram que as novas conclusões indicam que os pesquisadores devem prestar mais atenção nos efeitos colaterais da poluição urbana sobre as áreas rurais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.