Astronautas da ISS fazem perigosa caminhada no espaço

Os dois tripulantes da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) realizam uma caminhada pelo espaço considerada mais perigosa que o normal, já que nenhum astronauta ficou a bordo para socorrê-los em caso de emergência. Esta é a primeira vez que a ISS fica vazia durante uma operação do tipo.O astronauta Michael Foale e o cosmonauta Alexander Kaleri abriram a escotilha da parte russa da ISS para instalar uma nova experiência científica e conferir se a estação sofreu danos causados por lixo espacial - restos de antigas naves e satélites.Ambos ouviram um som metálico em novembro, e os engenheiros na Terra querem saber se algum objeto colidiu com a ISS. Controladores de vôo em Houston e Moscou observam atentamente o trabalho dos dois tripulantes, a 370 km de altitude. A caminhada espacial, que teve início pouco após as 18h00 (horário de Brasília) deve durar mais de cinco horas.

Agencia Estado,

26 de fevereiro de 2004 | 18h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.