Astronautas resolvem problema na ISS e caminhada espacial é descartada

Ele usaram um braço-robô para mover um contêiner para perto da área de carga do Discovery

Associated Press

15 Abril 2010 | 19h31

Depois de lutar por horas com um sistema de fechos emperrado, os astronautas do ônibus espacial Discovery  conseguiram remover um transportador de carga da Estação Espacial Internacional (ISS) nesta quinta-feira, 15.

 

Ele usaram um braço-robô para mover o compartimento para perto da área de carga do Discovery. Como o horário já estava adiantado, o controle de missão poderá adiar para sexta-feira o acondicionamento do transportador. Os astronautas fizeram hora extra para realizar o trabalho. passaram virtualmente o dia todo lidando com os fechos problemáticos.

 

O transportador, repleto de lixo e equipamento velho, precisa voltar para a Terra a bordo do Discovery, para que possa ser reutilizado no último voo de ônibus espacial, previsto para setembro.

 

Mais cedo, o controle de missão havia resolvido outro problema da ISS, ao menos temporariamente. Administradores descartaram a necessidade de uma caminhada espacial de emergência para destravar uma válvula do sistema de refrigeração. Isso teria exigido uma prorrogação  da missão atual do Discovery.

 

Os reparos na válvula podem esperar a partida do ônibus espacial, concluíram os especialistas.

O mais recente problema envolve um dos painéis de controle que enviam comandos para os fechos que prendem o transportador de carga no lugar. Controladores de voo notaram sinais elétricos incomuns vindo dos painéis e, de fato, os astronautas descobriram um parafuso partido. 

Mais conteúdo sobre:
nasa estação espacial discovery

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.