Nasa
Nasa

Astronautas verificam ônibus espacial em busca de danos

O impacto de um pedaço de espuma causou a brecha na proteção térmica que condenou o Columbia em 2003

Associated Press,

09 Fevereiro 2010 | 15h44

Os astronautas do ônibus espacial Endeavour inspecionaram sua nave nesta terça-feira, 9, em busca de danos, enquanto voavam para o encontro, a 320 km de altitude, com o a Estação Espacial Internacional (ISS).

 

Ônibus espacial Endeavour é lançado para a estação espacial

 

Pouco mais de um dia após o lançamento, a tripulação usou um braço mecânico de 100 metros, com um sensor laser na ponta, para checar o estado da blindagem térmica nas asas e do nariz da nave.

 

Poucos pedaços da espuma isolante do tanque externo de combustível soltaram-se na decolagem, incluindo uma faixa estreita de 30 centímetros de comprimento, mas não há sinais de que algo tenha atingido a nave.

 

O impacto de um pedaço de espuma causou a brecha na proteção térmica que condenou o Columbia em 2003, e desde então todo ônibus espacial é detalhadamente inspecionado após o lançamento.

 

O Endeavour deve alcançar a ISS na quarta-feira cedo, quando realizará uma pirueta no espaço para que as Câmeras da base orbital possam fotografar a nave de vários ângulos, novamente em busca de danos.

 

O ônibus espacial leva um novo aposento para a ISS, bem como a maior janela já lançada ao espaço, parte de um compartimento que terá um domo transparente.

A ISS estará 98% completa assim que o novo aposento, Tranquility, e o domo de sete janelas tiverem sido instalados, na última grande obra da ISS. A construção da estação já dura 11 anos.

Mais conteúdo sobre:
ônibus espacial endeavour iss nasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.