Divulgação/Nasa
Divulgação/Nasa

Atolado, robô da Nasa em Marte enfrenta inverno sem energia

Spirit não responde a pedido de comunicação e passará o inverno com bateria fraca e pouca energia solar

Associated Press,

01 Abril 2010 | 12h59

O robô Spirit deixou de fazer um contato previsto com a Nasa nesta semana, e pode ter entrado em um modo de economia de energia para sobreviver ao inverno do planeta vermelho, informou o Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da agência espacial.

 

Jipe-robô Spirit para de rodar e vira sonda fixa em Marte

 

O Spirit deveria ter se comunicado com a sonda orbital Mars Odissey na terça-feira, 30.

 

"Estamos checando outras possibilidades menos prováveis para a comunicação perdida, mas isto provavelmente significa que o Spirit entrou em uma falha de falta de energia entre o último contato, de 22 de março, e ontem", afirmou o gerente de projeto John Callas, em nota.

 

Operando em Marte desde 2004, o Spirit já havia sobrevivido a invernos anteriores posicionando-se com os painéis solares inclinados na  direção do Sol. Mas o robô está há um ano atolado em areia fofa, e com duas das seis rodas inoperantes, a Nasa decidiu deixá-lo imóvel e usá-lo como uma estação fixa.

 

A quantidade de energia solar que chega a seus painéis está se reduzindo com a passagem das estações.

 

"Poderemos não ouvir do Spirit outra vez durante semanas ou meses, mas estaremos tentando ouvir a cada oportunidade, e nossa expectativa é que o Spirit retome a comunicação quando suas baterias tiverem carga suficiente", disse Callas.

 

A Nasa destaca, no entanto, que nas próximas semanas os componentes eletrônicos do Spirit estarão submetidos a uma temperatura mais baixa do que qualquer outra que o equipamento já tenha experimentado.

Mais conteúdo sobre:
spirit nasa marte

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.