Barcos ardem em chamas no Japão e em Hong Kong

Dois cargueiros ardiam em chamas nesta terça-feira nos litorais de Japão e Hong Kong enquanto autoridades chinesas informavam ter contido o vazamento em um navio-tanque que derramou grande quantidade de petróleo na costa.No Japão, um incêndio consumia um cargueiro encalhado com quase 4.000 veículos em seu interior nas proximidades de Izu-Oshima, uma ilha situada 130 quilômetros ao sul de Tóquio.Colunas de fumaça e a ameaça de uma explosão iminente no Hual Europe, com bandeira de Bahamas, obrigaram a retirada de centenas de pessoas que estavam na embarcação. O navio já derramou cerca de 400.000 litros de petróleo no mar.Em Hong Kong, um incêndio num navio-tanque abandonado na costa estava prestes a ser extinto e é improvável que o combustível transportado pela embarcação venha a ser consumido pelas chamas, disse um funcionário da autoridade portuária local.Em Tianjin, na China, autoridades locais conseguiram conter um derramamento de petróleo dos tanques do navio maltês Tasman Sea no Mar de Bohai, informou a imprensa chinesa.A embarcação transportava cerca de 80.000 toneladas de petróleo quando colidiu com um barco chinês na madrugada de sábado. O choque causou uma mancha de 4,6 quilômetros de extensão por 2,6 quilômetros de largura.

Agencia Estado,

26 de novembro de 2002 | 15h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.