Borboletas enganam formigas para que criem seus filhotes

As larvas aprenderam a exalar essência que imita as formigas e a fazer som semelhante ao das rainhas

AP,

05 de fevereiro de 2009 | 20h55

Borboletas podem parecer inofensivas e amigáveis. Mas pelo menos um tipo delas aprendeu a criar seus filhotes como parasitas, enganando formigas para alimentarem e darem tratamento especial aos intrusos.  As pupas da borboleta europeia Maculina rebeli exalam uma essência que imita as formigas e as faz sentir em casa dentro do formigueiro. Uma vez que elas se tornam lagartas, elas até pedem comida como as larvas de formigas, disseram os pesquisadores na edição dessa sexta-feira, 6, da revista Science.  Mas, não contentes em apenas serem alimentadas, as borboletas fazem com que as formigas lhes deem um tratamento especial, disse Jeremy A. Thomas da Universidade de Oxford.  As rainhas dos formigueiros fazem sinais que as diferenciam das formigas trabalhadoras. Acontece que as larvas estão aprendendo a imitar esses sons, disseram os pesquisadores, ganhando um alto status para serem resgatadas caso o formigueiro seja perturbado. Em tempos de escassez de alimentos, as formigas também costumam matar suas larvas comuns para dar de alimento para a rainha, acrescentou a equipe.  Na natureza, a rainha e as larvas ficam em locais diferente do formigueiro e não se encontram. Mas no experimento, uma borboleta fingindo ser uma formiga rainha foi colocada em uma câmara com formigas trabalhadoras e quatro formigas rainhas reais. As rainhas verdadeiras começaram a atacar e morder a larva, mas as trabalhadoras começaram a defendê-la, atacando suas próprias rainhas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.