Brasil investirá US$ 26 milhões para proteger camada de ozônio

A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, abriu nesta segunda-feira a Semana Nacional de Proteção à Camada de Ozônio anunciando que o governo pretende investir, nos próximos quatro anos, US$ 26,7 milhões no programa para eliminar as substâncias que destroem a camada de ozônio. O objetivo do governo é abolir, até 2007, o uso de produtos que contenham CFCs (clorofluorcarbonetos).Como estas substâncias estão presentes, por exemplo, em refrigeradores domésticos, comerciais e industriais, uma das ações em parceria com o Senai será a de treinar técnicos para que eles evitem vazamentos de CFCs durante consertos e aprendam a reutilizar o gás sem prejuízos à camada de ozônio.

Agencia Estado,

15 de setembro de 2003 | 19h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.