Britânicos alertam para aproximação de asteróide

Cientistas do programa NEO (Near Earth Objects, ou objetos próximos da Terra) do Reino Unido alertaram para uma possibilidade de impacto de asteróide com a Terra em 2014, informa a edição online do jornal The Guardian. No entanto, o risco é pequeno: uma chance em mais de 900.000. Acredita-se que o risco venha a diminuir conforme novas observações sejam feitas. Apesar disso, o asteróide, de 1,2 km de diâmetro, foi classificado como ?evento digno de monitoramento cuidadoso?. A data do impacto, altamente improvável, é 21 de março de 2014. Se ocorrer, a colisão terá força de 350.000 megatons, ou milhões de toneladas de dinamite - cerca de oito milhões de vezes o poder da bomba atômica usada pelos EUA em Hiroshima.

Agencia Estado,

02 de setembro de 2003 | 14h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.