Broncodilatador natural pode ajudar contra asma

Uma substância natural que abre as vias respiratórias poderá ser usada no tratamento de asma, segundo cientistas do Centro Médico da Universidade de Duke, nos Estados Unidos. Eles identificaram a nitrosoglutathione (GSNO), uma molécula na família do óxido nítrico, que mantém as vias respiratórias abertas.Testes demonstraram que pessoas com asma têm pouco GSNO. Por isso, os medicamentos que aumentem os níveis dessa substância podem oferecer formas de tratamento das vias obstruídas, segundo os pesquisadores.Eles vêm pesquisando as razões que levam a baixos níveis deste broncodilatador natural no corpo.Os estudos anteriores sobre a asma tinham se concentrado no que poderia provocar a contração das vias respiratórias, explicam os pesquisadores em artigo publicado na revista Science.EnzimaA equipe já descobriu que a família de moléculas chamadas S-nitrosothiols (SNOs) têm um papel no transporte de óxidos nitrosos como o GSNO pelo corpo.Os cientistas estudaram ratos que não tinham uma enzima chamada GSNO reductase, que quebra as SNOs e, com isso, determina os níveis de GSNO em muitos tecidos, inclusive os pulmões.Se existe muita quantidade de GSNO reductase, muitas moléculas SNOs são quebradas e há pouco GSNO para manter as vias respiratórias abertas.AlérgenosEles constataram que os ratos com tendência a asma tinham níveis elevados de GSNO reductase e, portanto, baixas concentrações de GSNO nos pulmões depois de terem sido expostos a alérgenos.Os cientistas sugerem que a exposição a susbtâncias alergênicas provoca a elevação dos níveis de GSNO reductase."De forma geral, os cientistas têm se concentrado nos processos que contraem ativamente as vias respiratórias ou levam a inflamações, dificultando a entrada e saída de ar", disse Jonathan Stamler, que liderou a pesquisa."Nossas constatações sugerem que a doença pode ser resultado de deficiência do broncodilatador natural que normalmente relaxa as vias respiratórias. Elas indicam que a GSNO reductase é decisiva para regular o tônus das vias respiratórias em circunstâncias normais e em resposta a um problema alérgico, e que um desequilíbrio de GSNO, e talvez de outras S-nitrosothiols, podem contribuir fundamentalmente para asma."

Agencia Estado,

30 de maio de 2005 | 11h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.