Cetesb autua Agip por poluir lençol freático e solo

A Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) autuou ontem a Agip Brasil, por ter contaminado o lençol freático e o solo no bairro Parque Industrial, em São José do Rio Preto, onde a empresa tem um depósito de combustível. Segundo o gerente regional da Cetesb, Luiz Neme, a companhia deverá ser multada em 10 mil Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesp) - R$ 105.200,00. A autuação ocorreu depois que a própria empresa realizou, por determinação da Cetesb, um estudo para verificar se havia contaminação na área. Diante do resultado positivo, a agência ambiental realizou um Estudo de Avaliação de Contaminação do Solo e Águas Subterrâneas. Agora, serão feitas novas análises e a Agip precisará elaborar um plano de recuperação da área poluída, além de parar com a degradação ambiental. A empresa informou que, até ontem, não sabia da multa e estava tomando todas as providências para resolver o problema.

Agencia Estado,

05 de julho de 2002 | 10h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.