Cetesb vai multar Shell por vazamento em Itu

A Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) vai multar a empresa Shell, responsável pelo abastecimento e manutenção do tanque de óleo diesel do qual vazaram cerca de 8 mil litros de combustível ontem, em Itu, a 98 quilômetros de São Paulo. O óleo contaminou nascentes e açudes no Bairro Rancho Grande. O valor da multa será definido após a conclusão dos trabalhos de descontaminação da área atingida pelo vazamento. Também será multada a empresa de ônibus Viação Itu, que utilizava o depósito de combustível. Segundo a Cetesb, o vazamento resultou de um erro operacional na válvula de um dos três tanques de óleo. O combustível escoou para um canal de drenagem e acabou atingindo um lago existente na propriedade vizinha. O tanque tem capacidade para 20 mil litros, mas parte do combustível ficou retida em uma bacia de contenção, construída em alvenaria. Outros dois tanques com a mesma capacidade não chegaram a vazar. Técnicos da agência de Sorocaba e da unidade especial de acidentes ambientais, lotada na capital, continuavam trabalhando, hoje, na remoção do óleo. A Cetesb exigiu que a empresa realize o monitoramento nos poços de abastecimento da região para verificar o grau de comprometimento do lençol freático. A área contaminada faz parte da bacia de drenagem do Ribeirão Braiaiá, um dos principais mananciais do sistema de abastecimento de água da cidade. O diretor de Meio Ambiente da prefeitura, geólogo Leziro Marques Silva, disse que o sistema de captação abastecido pelo Braiaiá foi desligado para evitar riscos à população. Foram registrados casos de mal estar e vômitos provocados pelo cheiro de diesel. O gerente de vendas da Shell, Carlos Trindade, contestou a dimensão do vazamento de óleo diesel. Segundo ele, dos 8 mil litros que vazaram, cerca de 7.700 ficaram retidos em uma bacia de contenção e apenas 300 litros teriam escorrido, por uma fissura, para o ambiente. Nota da Cetesb informou que haviam vazado cerca de 8 mil litros. Trindade disse que a empresa está tomando todas as providências para a recuperação do local atingido.

Agencia Estado,

14 de junho de 2002 | 17h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.