Chineses dizem estar próximos de clonarem pandas

A China já superou dois obstáculos e tempela frente apenas mais um antes que possa clonar o urso panda gigante, ameaçado de extinção, informou Chen Dayuan, cientista à frente do projeto de clonagem do animal na China, a seuscolegas.Chen fez o anúncio durante discurso proferido no último domingo em uma cerimônia para marcar o 10º aniversário do centro de pesquisas sobre pandas em Fuzhou, no sudeste do país, disse umcompanheiro de pesquisas de Chen."Apenas um obstáculo permanece entre nosso país e o êxito na clonagem de pandas", comentou a agência de notícias Nova China ao divulgar o discurso de Chen.De acordo com Chen, resta apenas descobrir como manter vivo um feto de panda no útero de uma mãe de aluguel até que o animal esteja pronto para nascer.Os dois obstáculos superados, segundo o cientista, são: a criação de um embrião de panda mediante a utilização do óvulo de uma espéciediferente; e como implantar o embrião no útero da mãe de aluguel, também de uma espécie diferente.Outros cientistas chineses, no entanto, duvidam que o programa esteja tão avançado quanto sugere Chen e questionam se os resultados seriam consistentemente reproduzidos em um laboratório.O projeto, com base num laboratório de Pequim operado pela Academia Chinesa de Ciências, recebeu duras críticas da comunidade científica local.Segundo os opositores, o projeto é "caro demais" e preservar as florestas do montanhoso sudoeste chinês seria uma forma mais eficaz de salvar os cerca de mil pandas que ali vivem.

Agencia Estado,

27 de novembro de 2002 | 17h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.