Cidades continuam sem água por causa de resíduos químicos

O juiz da 1ª Vara Federal de Campos, Marcelo Luzio, decidiu hoje acatar o pedido de liminar do Ministério Público Federal e condicionou a distribuição da água dos rios Pomba e Paraíba do Sul a novas análises feitas pela Agência Nacional de Águas, UFRJ e Universidade Federal de Minas Gerais.Assim, as mais de 600 mil pessoas dos oito municípios fluminenses afetados com o vazamento de produtos químicos da Indústria Cataguazes vão precisar esperar um pouco mais pelo retorno do abastecimento de água. Laudo divulgado nesta quinta pela Secretaria de Estado de Saúde indica que a água tratada dos rios Pomba e Paraíba do Sul ainda não está própria para o consumo.Nesta sexta-feira, o juiz decidirá se revoga a prisão do diretor-administrativo daFlorestal Cataguazes, Félix Santana, detido há cinco dias em Campos. Ele está analisando o parecer contrário à prisão do executivo, emitido pelo Ministério Público Federal.Hoje à tarde, o delegado-titular da Polícia Federal em Campos, Carlos Pereira, entregou ao juiz o resultado da ação de busca e apreensão nas empresas Florestal e Cataguazes de Papel. Segundo a Justiça Federal em Campos, vários documentos foram apreendidos, mas o teor do material não foi divulgado. Situação de reservatório que não rompeu é críticaTambém nesta quinta, a Secretaria de Meio Ambiente de Minas divulgou relatório de inspeção dos dois reservatórios da Florestal Cataguazes. De acordo com a vistoria, feita por técnicos da Companhia Energética de Minas Gerais, o dique se rompeu por causa de erosão interna na estrutura. Ainda de acordo com os técnicos, o dique não apresentava a ligação entre o filtro e o sistema de drenagem, imprescindível para uma barragem daquele tipo e porte.A outra barragem da empresa, que ameaça se romper, está ?totalmente cheia, com, no máximo, 60 centímetros de borda livre?, diz o relatório. Os técnicos recomendaram a reconstrução total do primeiro depósito de rejeitos químicos e o levantamento da borda do outro reservatório.

Agencia Estado,

10 de abril de 2003 | 20h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.