Cientistas desenvolvem reator doméstico de hidrogênio

Pesquisadoes anunciaram ter produzido, epla primeira vez, hidrogênio a partir de etanol em um protótipo de reator pequeno e eficiente o bastante para aquecer casas ou mover automóveis. Os métodos atuais para produção de hidrogênio exigem grandes refinarias e o consumo de grandes quantidades de combustível fóssil, como carvão e derivados de petróleo.O reator anunciado pela Universidade de Minnesota tem 0,6 metro e extrai o hidrogênio de etanol - álcool etílico - de milho. Em seguida, uma célula de combustível gera eletricidade a partir do hidrogênio produzido. O trabalho é descrito na revista Science.Embora a tecnologia de células de combustível baseadas em hidrogênio não seja nova, a produção da substância, rara em sua forma pura, na Terra, sempre foi um problema, tanto pelo preço quanto pela poluição.Os pesquisadores de Minnesota dizem que seu aparelho produz o hidrogênio consumindo apenas etanol e de maneira barata, tanto que as pessoas poderiam comprar células para uso pessoal. Eles também acreditam que sua tecnologia poderá ser usada para gerar hidrogênio a partir do etanol em postos de combustível, viabilizando a produção em massa de carros movidos a hidrogênio.

Agencia Estado,

12 de fevereiro de 2004 | 20h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.