Cientistas esperam ter vacina para Sars em 3 anos

Cientistas britânicos apresentaram na Conferência Internacional sobre Sars, em Lübeck, Alemanha, os primeiros êxitos que tiveram ao criar substâncias parecidas com o vírus com tecnologia genética. Isso representa a possibilidade de uma vacina contra a pneumonia atípica."Calculo que teremos a vacina em dois ou três anos; a condição é que continue havendo surtos de Sars que provoquem pressão suficiente para isso", disse o virologista alemão Hans-Dieter Klenk.

Agencia Estado,

11 de maio de 2004 | 11h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.