<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1659995760901982&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Cientistas estudam canabinóide contra Alzheimer

Cientistas espanhóis provaram que um canabinóide, similar ao componente ativo da maconha, pode prevenir a perda de memória. Em experiências feitas em ratos, a substância reduziu a inflação cerebral associada à doença de Alzheimer.A eficácia do canabinóide foi comprovada quando os ratos que receberam a substância e a proteína amilóide, que desencadeia o mal, puderam lembrar um caminho ensinado pelos cientistas dois meses antes. Segundo a agência Efe, os animais submetidos apenas à proteína amilóide não puderam lembrar o caminho.Também foi constatado que o segundo grupo de ratos apresentava uma grande inflamação cerebral, inexistente naqueles tratados com o canabinóide.Outra descoberta feita durante o estudo foi a característica dos receptores de canabinóide CB1 e CB2.Ao comparar o tecido cerebral de pessoas que morreram de Alzheimer com o de pessoas sadias que morreram em idades parecidas, observou-se que os receptores de canabinóide estavam associados na doença a marcadores de ativação da micróglia, célula imune do cérebro.O CB1 foi encontrado em todos os tipos de células do cérebro e os cientistas perceberam que sua ativação provoca os efeitos mentais do canabinóide. Já o CB2 só está presente na micróglia.As células da micróglia são ativadas depois que a célula amilóide se acumula em depósitos denominados placas. Elas, por sua vez, geram uma inflamação que resulta na morte de neurônios, e na conseqüente perda de memória.

Agencia Estado,

24 de fevereiro de 2005 | 10h52

Selecione uma opção abaixo para continuar lendo a notícia:
Já é assinante Estadão? Entrar
ou
Não é assinante?
Escolha o melhor plano para você:
Sem compromisso, cancele quando quiser
Digital Básica
R$
0, 99
/ mês
No primeiro mês
R$ 9,90/mês a partir do segundo mês
  • Portal Estadão.
  • Aplicativo sem propaganda.
Digital Completa
R$
1, 90
/ mês
No primeiro mês
R$ 19,90/mês a partir do segundo mês
Benefícios Digital Básica +
  • Acervo Estadão 146 anos de história.
  • Réplica digital do jornal impresso.
Impresso + Digital
R$
22, 90
/ mês
No primeiro ano
R$ 56,90/mês a partir do segundo ano
Benefícios Digital Completa +
  • Jornal impresso aos finais de semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.