Comer doce demais pode levar a comportamento violento

Especialistas britânicos estudaram mais de 17.000 crianças nascidas em 1970, por quase 40 anos

AP,

30 Setembro 2009 | 20h01

Crianças que comem doces demais podem correr mais risco de serem presas por crimes violentos na idade adulta, indica uma nova pesquisa.

 

Especialistas britânicos estudaram mais de 17.000 crianças nascidas em 1970, por quase 40 anos. Das que comiam doces ou chocolates diariamente aos 10 anos, 69% acabaram presas pelo menos uma vez por atos de violência até os 34 anos. Das que nunca tinham sido presas, 42% comiam doces diariamente.

 

O estudo será publicado na edição de outubro do British Journal of Psychiatry.

 

Os pesquisadores disseram que o resultado é interessante, mas que mais estudos são necessários para confirmar a ligação. "Não é que os doces sejam maus em si, é mais como interpretar como os jovens tomam decisões", disse um dos autores do trabalho, Simon Moore, da Universidade de Cardiff.

 

Moore disse que os pais que usam doces para "subornar" as crianças para que se comportem bem podem ser os causadores do dano. Isso pode impedir as crianças de aprender a adiar gratificação, gerando adultos impulsivos.

 

Mesmo depois de Moore e colegas terem controlado outras variáveis, como nível econômico e social, a conexão entre consumo de doces na infância e violência na idade adulta se manteve.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.