Companhia aérea planeja primeiro casamento gay em um avião

SAS faz campanha online para escolher casal que se unirá em voo entre Estocolmo e Nova York

REUTERS

02 Setembro 2010 | 08h57

Rede Social. Companhia pede para candidatos criarem perfil em sua página para serem eleitos

 

 

 

A companhia aérea escandinava SAS está planejando o primeiro casamento entre pessoas do mesmo sexo a bordo de um avião. A empresa, co-propriedade dos governos da Suécia, Dinamarca e Noruega, informou que espera realizar a boda no voo de um Airbus A340 entre Estocolmo e Nova York, em 6 de dezembro.

Para escolher o casal, a SAS iniciou uma campanha em páginas de relacionamento social na Internet, intitulada "O amor está no ar" (http://www.flysas.com/love), orientando os interessados a criar um perfil e fazer campanha em busca de votos.

"Companhias aéreas, entre as quais a SAS, organizam há décadas casamentos durante seus voos, mas nós gostaríamos de ser a primeira do mundo a realizar um matrimônio entre pessoas do mesmo sexo", disse o chefe de assuntos comerciais da SAS, Robin Kamark, em um comunicado.

"A SAS é a companhia aérea nacional dos três países mais liberais e progressistas do mundo, especialmente no que se refere a direitos de lésbicas, gays e transexuais, por isso achamos que essa é uma celebração natural do amor", acrescenta a nota.

O casal vencedor ganhará passagens em classe executiva nos voos da SAS para Nova York, alojamento por três noites na cidade, voos para Los Angeles e três noites de estadia em West Hollywood.

A SAS informou que também está promovendo uma versão desse concurso nos Estados Unidos, para o qual o vencedor ganhará um pacote de casamento e lua de mel na Suécia.

Mais conteúdo sobre:
ODDSASCASAMENTOGAY*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.