Condições ecológicas para dinossauros foram criadas por asteróide

O choque de um cometa ou um asteróide pode ter varrido os dinossauros do mapa, mas um choque anterior pode ter sido o responsável por criar condições ecológicas ideais para que as criaturas gigantes viessem a dominar o planeta Terra. Isto é o que sugere um estudo publicado por cientistas americanos na revista Science desta semana.Os pesquisadores reuniram provas examinando marcas de pegadas fossilizadas, fósseis e restos de metais raros no solo e em alguns meteoritos recolhidos em 80 sítios arqueológicos diferentes. Com essas provas, os cientistas concluíram que as espécies se desenvolveram mais rápido do que se previa anteriormente.Segundo o professor Paul Olsen, da Universidade de Columbia, em Nova York, em um espaço ?relativamente breve? de cerca de 50 mil anos, os dinossauros evoluíram em várias subespécies, entre elas os tiranossauros, os maiores predadores que já habitaram a Terra. ?Cerca de 200 milhões de anos atrás um asteróide ou um cometa se chocou contra o Planeta e, pouco depois, no período Jurássico, os dinossauros dominavam a Terra?, disse Dannis Kent, docente da Universidade Rutgers. Um dos indícios para essa teoria é que os primeiros dinossauros eram herbívoros e não mediam mais que seis metros de altura. O tiranossauro, um feroz carnívoro, era mais que o dobro dos herbívoros e se desenvolveram progressivamente até chegarem até 50 metros, como demonstram fósseis achados recentemente na Argentina.

Agencia Estado,

16 de maio de 2002 | 17h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.