Conferência pede medidas urgentes pela biodiversidade

Cientistas reunidos na Conferência Biodiversidade, Ciência e Governabilidade, organizada pela Unesco em Paris, divulgaram nesta sexta-feira um manifesto pedindo medidas globais urgentes para deter a perda de biodiversidade.Cerca de 1.200 representantes de 30 países e os especialistas firmaram um documento em que alertam sobre os riscos incalculáveis com a perda de espécies animais e vegetais.Os participantes defenderam a criação de um mecanismo internacional reúna as informações de estudos sobre biodiversidade mundial e coordene as ações dos países pela proteção de espécies. Este mecanismo deverá "melhorar a eficácia das organizações existentes através da integração e da coordenação dos esforços compartilhados e complementares".Os representantes e especialistas pedem a criação de programas de pesquisa interdisciplinares para "descobrir, compreender e prever" a biodiversidade e para "desenvolver instrumentos de decisão eficazes, baseados em uma informação científica rigorosa".A declaração reafirma a validade e a importância do Convênio sobre a Biodiversidade, de 1992, que estabelece a meta de se reduzir a perda de biodiversidade até 2010, "uma condição fundamental do desenvolvimento sustentável". leia mais

Agencia Estado,

28 de janeiro de 2005 | 13h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.