NASA/Reuters
NASA/Reuters

Cosmonautas russos iniciam caminhada na estação espacial

Objetivo da operação é instalar cabos de comunicação entre os módulos científicos Zvezda e Poisk

Efe,

14 Janeiro 2010 | 11h02

Os dois cosmonautas russos da Estação Espacial Internacional (ISS), Maxim Surayev e Oleg Kotov, iniciaram nesta quinta-feira, 14, uma caminhada que durará quase seis horas, informou o Centro de Controle de Voos Espaciais da Rússia.

 

Veja também:

linkObservatório colombiano faz imagem de asteroide 'misterioso' 

linkCaptada pela primeira vez a luz de um planeta distante 

 

Os cosmonautas abriram os alçapões do módulo de acoplagem Pirs às 8h05 de Brasília e devem voltar à plataforma orbital às 13h31 de Brasília, disse às agências russas o porta-voz do Centro, Valery Lyndin.

 

O objetivo da caminhada é instalar cabos de comunicação entre o módulo de serviço Zvezda e o pequeno módulo científico Poisk, assim como instalar no mesmo alguns equipamentos e antenas do sistema radiotécnico Kurs para operações de acoplagem de naves.

 

Isso permitirá a Surayev que no próximo dia 21 desenganche do módulo Zvezda a nave Soyuz TMA-16 e a acople pela primeira vez ao Poisk, recém-chegado à ISS, após o qual será possível corrigir a altura da estação com ajuda dos propulsores dessa nave.

 

Surayev e Kotov deverão também desmontar para levar de volta à Terra um contêiner com microorganismos que permaneceu instalado no exterior do módulo Pirs e exposto aos efeitos da radiação solar durante mais de 30 meses.

 

Além dos dois cosmonautas russos, a atual missão permanente na ISS é integrada por dois astronautas americanos, Jeff Williams e Timothy Creamer, e pelo japonês Soichi Noguchi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.