CPI dos Combustíveis denuncia vazamento em depósito

Uma área no Parque Novo Mundo, na zona norte, pode estar sofrendo problemas por causa da contaminação provocada por combustíveis. Numa blitz realizada ontem, integrantes da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Postos de Combustíveis descobriram um depósito de ferro-velho onde estavam armazenados 200 tanques antigos utilizados em postos. Segundo o presidente da CPI, vereador Jooji Hato (PMDB), há várias irregularidades, como o vazamento de gasolina e óleo diesel dos tanques. Para Hato, o material, pode ter se infiltrado na terra e na água que abastece a região. O dono do estabelecimento, Manoel Alberto, afirmou que os tanques foram arrematados em um leilão realizado pela Petrobrás, no ano passado, e seriam vendidos como sucata. Segundo Hato, foram feitos vários furos nos compartimentos, provavelmente para escoar restos de combustível. Os vereadores acionaram a Administração Regional da Vila Maria e a Cetesb, para que sejam feitas análises do solo e da água. ?O armazenamento dos tanques é totalmente irregular?, disse Hato. Segundo ele, o procedimento correto seria encaminhar os tanques para serem destruídos em locais apropriados. ?Após a lavagem, o material teria de ser encaminhado para uma fundição.? Técnicos da Cetesb não encontraram evidências de contaminação no local. No mês passado, a Cetesb exigiu que a Petrobrás retalhe os tanque antes de vendê-los aos ferros-velhos para evitar a contaminação.

Agencia Estado,

26 de junho de 2002 | 12h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.