Decreto cria Parque Natural de Paranapiacaba na Serra do Mar

Sob névoa densa e úmida o prefeito de Santo André, João Avamileno (PT) assinou ontem um decreto, no topo da Serra do Mar, criando o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba. O ato, em homenagem ao Dia Mundial do Meio Ambiente, tem o objetivo de preservar uma área de 4,2 quilômetros quadrados de mata atlântica. Em 18 de janeiro de 2001, a prefeitura comprou da Rede Ferroviária Federal o complexo de casas da histórica vila ferroviária de Paranapiacaba. "Essa porção de floresta que emoldura a vila em estilo inglês é rica em nascentes d´água que formam o Rio Grande, principal braço da Represa Billings, que abastece boa parte de São Paulo", comentou o subprefeito, João Ricardo Guimarães. A flora e a fauna da região são bastante diversificadas. Há grande quantidade de pássaros, como pica-paus, tangarás e macucos. A área também abriga pequenos felinos, como gatos-do-mato e jaguatiricas. Tem ainda o veado catingueiro. Show"A vantagem deste parque é que a proprietária é a própria prefeitura, o que garante melhores condições para o poder público de preservar o local e a possibildade implementar o ecoturismo de maneira correta", disse Guimarães. "As trilhas serão monitoradas por agentes treinados pela Associação dos Monitores Ambientais de Paranapiacaba e a visitação será controlada. Queremos evitar a degradação da área." Amanhã, às 14 horas, o cantor e compositor Tom Zé festeja a criação do parque com show gratuito ao lado do Núcleo Olho D´Água, área de mananciais cercada de verde e águas límpidas. O parque estará aberto ao público de terça-feira a domingo, das 8 às 17 horas.

Agencia Estado,

06 de junho de 2003 | 09h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.