Descoberta carroça de 1.900 anos em escavação na Bulgária

No local, a equipe também achou cerâmica, vasos de vidro e outros presentes para o funeral de um Trácio rico

AP

08 de agosto de 2008 | 16h46

Arqueólogos descobriram uma carroça de 1.900 anos, bem preservada, em uma antiga tumba trácia no sul da Bulgária, disse o chefe da escavação na quinta-feira, 7. Foto: AP Daniela Agre disse que sua equipe encontrou a carroça de quatro rodas durante escavações em sítio próximo à vila de Borisovo, a cerca de 290 quilômetros da capital, Sófia. "É a primeira vez que encontramos uma carroça completamente preservada na Bulgária", disse Agre, arqueóloga da Academia de Ciência da Bulgária.  Ela disse que escavações anteriores apenas encontraram partes de carroças - geralmente porque os sítios arqueológicos foram saqueados.  No local, a equipe também achou cerâmica, vasos de vidro e outros presentes para o funeral de um Trácio rico.  Também foram desenterrados esqueletos de dois cavalos aparentemente sacrificado durante o funeral desse nobre, juntamente com objetos de bronze e couro que se acredita serem itens de montaria.

Tudo o que sabemos sobre:
ciênciaarqueologiaBulgária

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.