Descoberta na África nova variedade do vírus da aids

Novo vírus é semelhante a um que ocorre em gorilas; versões anteriores parecem vírus de chimpanzé

Assiciated Press,

02 Agosto 2009 | 20h27

Uma nova variedade do vírus que causa a aids foi descoberta em uma mulher da nação africana de Camarões. Ele difere das três versões conhecidas do vírus da imunodeficiência humana e parece ter relação próxima com uma forma de vírus descoberta recentemente em gorilas selvagens, informam pesquisadores na revista especializada Nature Medicine.

 

A descoberta "destaca a necessidade continuada de observar-se atentamente a emergência de novas variantes do HIV, particularmente na África central e ocidental", disse o principal pesquisador, Jean-Christophe Plantier, da Universidade de Rouen, na França.

 

As três versões previamente conhecidas do HIV relacionam-se com o vírus que ocorre em chimpanzés.

A explicação mais provável para a nova descoberta é transmissão de gorilas para humanos, diz a equipe de Plantier. Mas eles dizem que não puderam descartar a possibilidade de a nova versão ter começado em chimpanzés e se deslocado para gorilas e humanos.

 

A paciente de 52 anos testou positivo para HIV em 2004, pouco depois de se mudar para Paris, vindo de Camarões, dizem os pesquisadores. Ela tinha morado perto de Yaounde, capital da nação africana, mas negou ter mantido contato com macacos ou com carne do mato, nome dado a carne de animais silvestres.

 

A mulher não desenvolveu sintomas de aids e segue sem ser tratada, embora ainda carregue o vírus.

Mais conteúdo sobre:
aidshivvírus

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.