Descoberto 10.º planeta do Sistema Solar

Astrônomos americanos anunciaram a descoberta do 10.º planeta que orbita em torno do Sol.O maior objeto descoberto no Sistema Solar desde a descoberta de Netuno, em 1846, foi visto pela primeira vez em 2003, mas só agora foi confirmado que se tratava mesmo de um planeta.Batizado 2003 UB313, o "novo" planeta tem um diâmetro de 3 mil quilômetros, é composto em boa medida por rochas e gelo e é um pouco maior do que Plutão.Atualmente o planeta está, em relação ao Sol, a uma distância 97 vezes maior do que a que existe entre a Terra e o Sol.Também em relação ao Sol, a distância é duas vezes maior do que Plutão, numa órbita distinta que forma um ângulo com as órbitas de outros planetas.Os astrônomos acreditam que, em algum momento da história do planeta, Netuno o lançou à sua órbita, inclinada em 44 graus.Os autores da descoberta foram os cientistas Michael Brown, do Instituto de Tecnologia da Califórnia, Chad Trujillo, do Observatório Gemini do Havaí, e David Rabinowitz, da Universidade de Yale."Foi um dia incrível e um ano incrível. 2003 UB313 é provavelmente maior do que Plutão. É mais opaco do que Plutão, mas está três vezes mais longe", disse Rabinowitz à BBC.Segundo o cientista, a descoberta mostra que há outros Plutões, "apenas mais distantes no Sistema Solar, onde são um pouco mais difíceis de ser encontrados".O 2003 UB313 foi localizado com o telescópio Samuel Oschin do Observatório Palomar e o telescópio Gemini North, em Mauna Kea.Outro responsável pelo estudo, Chad Trujillo, disse à BBC que se sente extremamente sortudo de ter participado de uma descoberta "tão emocionante"."Não é todo dia que alguém encontra algo do tamanho de Plutão ou maior."De acordo com os cientistas, as imagens captadas pelos telescópios mostram que a superfície do novo planeta é muito similar à de Plutão.O 2003 UB313 foi visto pela primeira vez em 21 de outubro de 2003, mas não teve nenhum movimento registrado até que fosse observado na mesma área 15 meses depois, em janeiro de 2005.

Agencia Estado,

11 de agosto de 2005 | 18h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.