<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1659995760901982&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Descoberto o menor buraco negro já visto

Cientistas da Nasa, a agênciaespacial norte-americana, identificaram o menor buraco negro jáencontrado --com menos de quatro vezes a massa do nosso sol edo tamanho aproximado de uma cidade grande. Mas o "buraquinho negro", batizado de J1650, seria capaz,com sua atração gravitacional, de esticar uma pessoa até adimensão de um fio de espaguete, disseram cientistas num eventoem Los Angeles. "Este buraco negro está realmente alterando os limites.Durante muitos anos os astrônomos quiseram saber o menostamanho possível de um buraco negro, e esse carinha é um grandepasso adiante em resolver essa questão", disse nota assinadapor Nikolai Shaposhnikov, do Centro Espacial Goddard, da Nasa,em Maryland. É possível que esse seja mais forte do que outros buracosnegros encontrados no centro de galáxias. Todos eles, porém,foram formados por uma estrela que "apagou" devido à falta decombustível, desabando por causa de sua própria gravidade. (Reportagem de Maggie Fox)

REUTERS

01 de abril de 2008 | 22h26

Selecione uma opção abaixo para continuar lendo a notícia:
Já é assinante Estadão? Entrar
ou
Não é assinante?
Escolha o melhor plano para você:
Sem compromisso, cancele quando quiser
Digital Básica
R$
0, 99
/ mês
No primeiro mês
R$ 9,90/mês a partir do segundo mês
  • Portal Estadão.
  • Aplicativo sem propaganda.
Digital Completa
R$
1, 90
/ mês
No primeiro mês
R$ 19,90/mês a partir do segundo mês
Benefícios Digital Básica +
  • Acervo Estadão 146 anos de história.
  • Réplica digital do jornal impresso.
Impresso + Digital
R$
22, 90
/ mês
No primeiro ano
R$ 56,90/mês a partir do segundo ano
Benefícios Digital Completa +
  • Jornal impresso aos finais de semana.
Tudo o que sabemos sobre:
CIENCIABURAQUINHONEGRO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.