Desertificação ameaça áreas produtivas da África

Cientistas da Universidade de Oxford prevêem que grandes áreas de terra atualmente produtiva da África podem ser cobertas por areia, como resultado de alterações provocadas pelo aquecimento global sobre as imensas dunas de Kalahari.Essas dunas pontuam 2,5 milhões de quilômetros quadrados continente africano, do norte da África do Sul ao oeste de Zimbábue e Zâmbia, passando por Angola, Botswana e Namíbia.Segundo o estudo, divulgado em artigo na revista científica Nature, as conseqüências sociais dessas mudanças podem ser drásticas.A equipe de cientistas apela aos políticos da região para que não adotem políticas de desenvolvimento que possam acentuar esses problemas.Modelos"Em Botswana, por exemplo, vimos um enorme crescimento da pecuária usando águas subterrâneas. Isso por si só faz grande pressão sobre o solo e o clima do país", disse à BBC o chefe da equipe de pesquisadorres, David Thomas.A equipe de Oxford usou informações de três modelos de computador que são usados para prever prováveis mudanças de clima no próximo século. Os cientistas aplicaram as informações ao seu simulador que está ligado à dinâmica das dunas de Kalahari.As dunas foram formadas há milhares de anos e agora estão razoavelmente cobertas de vegetação.Thomas e sua equipe constataram que, quaisquer que sejam as informações sobre o clima utilizadas, o simulador projeta dramáticos aumentos em "atividade" das dunas, que começam a mudar e sofrer erosão com a queda dos níveis de chuva e aumento da velocidade do vento.MudançasSegundo eles, até o fim do século 21, toda a região estaria "ativada". Dezenas ou mesmo centenas de milhares de pessoas serão afetadas por essas mudanças, segundo a equipe.Os líderes do G-8 (sete países mais ricos do mundo e a Rússia) se reúnem na Escócia, no dia 6 de julho, e na pauta deles estão mudanças de clima e desenvolvimento da África.Na semana passada, 21 ONGs baseadas na Grã-Bretanha publicaram um estudo dizendo que qualquer estratégia para reduzir a pobreza na África está destinada ao fracasso se não forem adotadas medidas urgentes para conter as mudanças de clima.  mudanças climáticas

Agencia Estado,

30 de junho de 2005 | 11h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.