Discovery faz manobra para escapar de lixo espacial na volta

A Nasa não sabe o que o lixo espacial era, exceto que provavelmente se soltou da própria nave ou da ISS

Reuters,

10 Setembro 2009 | 14h45

A tripulação do ônibus espacial Discovery ativou os foguetes da nave nesta sexta-feira, 10, para driblar um pedaço de lixo espacial durante o que deve ser o último dia de uma bem-sucedida missão de reabastecimento da Estação Espacial Internacional (ISS).

 

A Nasa não sabe o que o lixo espacial era, exceto que ele provavelmente se soltou do próprio ônibus espacial ou da ISS no sábado, durante a última das três caminhadas espaciais da missão.

 

A nave deixou a ISS na terça-feira. Ela deve pousar no Centro Espacial Kennedy às 20h05 desta quinta, se o tempo permitir. Outra opção seria aguardar até sexta para o pouso, que então possivelmente ocorreria da Califórnia.

 

O ônibus espacial Discovery, que teve de fazer uma manobra inesperada nesta quinta. Foto: Nasa

 

"Exatamente o que o destroço era é desconhecido, mas ele estava se movendo na direção da nave, então é preocupante", disse o comentarista da missão,  Pat Ryan.

 

Durante a estadia de nove dias do Discovery na ISS, dois outros pedaços de lixo orbital passaram perto da estação e forçaram os engenheiros a planejar manobras evasivas que, no fim, não foram necessárias.

Esses fragmentos foram identificados como parte de um antigo foguete europeu e de um satélite meteorológico chinês, destruído por um míssil em 2007.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.