'Empregos verdes' podem conter o desemprego global, diz ONU

A FAO disse que investimentos na restauração de florestas degradadas podem gerar cerca de 10 mi de empregos

Reuters,

10 de março de 2009 | 14h08

O plantio de árvores para mitigar a mudança climática pode criar milhões de empregos, aliviando o desemprego em massa causado pela crise financeira global, disse a ONU nesta terça-feira, 10.   Veja também:  Disney define plano para cortar emissões de carbono a zero Especial: Quiz: você tem uma vida sustentável?  Especial: Evolução das emissões de carbono   Especial: As ações diárias que salvam o planeta  De olho nos sintomas da crise econômica  Dicionário da crise  Lições de 29 Como o mundo reage à crise    Em nota, a FAO (órgão da ONU para agricultura e alimentação) disse que investimentos na restauração de florestas degradadas, no plantio de novas árvores e na construção de trilhas e áreas de recreação nas matas podem gerar cerca de 10 milhões de empregos.   "O manejo florestal sustentável poderia se tornar um meio de criar milhões de empregos 'verdes', assim ajudando a reduzir a pobreza e a melhorar o meio ambiente", disse na nota Jan Heino, diretor-geral-assistente do Departamento Florestal da FAO.   A FAO citou um estudo da Organização Internacional do Trabalho segundo o qual o desemprego global deve superar 198 milhões de pessoas em 2009.   No dia 16, durante a Semana Mundial das Florestas, a FAO deve lançar em Roma um relatório sobre a situação das florestas no planeta.   (Reportagem de Svetlana Kovalyova)

Tudo o que sabemos sobre:
aquecimento globaldesemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.